quarta-feira, junho 24, 2009

Elis Regina

Águas de Março. Que ficaram eternas em nós, na voz veludo fibra de Elis, a eterna.

2 comentários:

Diegopereiras disse...

Encantadora e emocionante para sempre!!!!!

innername disse...

Prova disso é que continua entre nós, mais viva que nunca, Diego.